titulo

MÚSICA

O sax tenor Sonny Rollins fez história há mais de 40 anos no mundo da música. O disco deste nova-iorquino de 73 anos, 'Saxophone Colossus', gravado em 1956, é, ainda hoje, o seu trabalho mais lembrado.

Este disco, o melhor, sem dúvida alguma, da abundante discografia de Sonny Rollins, marcou a sua consagração definitiva, ao ponto de, a partir do seu lançamento, Rollins ter ficado conhecido como 'O Colosso', em referência ao título do mesmo.

Saxophone Colossus é um longo documentário sobre a vida e o trabalho deste saxofonista de jazz, Theodore Walter 'Sonny' Rollins.

Quando um músico de jazz toca um solo que dura 15 minutos completos, cada minuto o mais inspirado, o mais poderoso, e pleno de interesse; e quando, mais tarde, no meio de um solo criativo e pleno de alma, o músico salta do palco de forma exuberante, fractura o seu calcanhar e continua a tocar, deitado de costas... Nesse momento sabe-se simplesmente que se está a testemunhar algo especial. É assim com o saxofonista tenor Sonny Rollins. Se por um lado não é universalmente tão conhecido como Charlie Parker ou John Coltrane, por outro, os seus fans consideram-no o melhor instrumentista vivo e este álbum 'concerto-documentário' não deixa qualquer dúvida em relação a isso.

mapa